“CABRAL” MANDELA? NUNCA SERÁ!!

       

20171206_121558

FOTO: Weeb

        Quando menor tinha sonhos, como toda criança. Sonhava em ser caminhoneiro como meu pai, em escrever um livro, em viajar pelo mundo e em ter grana suficiente para dar uma casa para meus pais.

        When I was a little boy a had dreams, like every child. Dreamed of being a truck driver as Dad, write a book, travel around the World and have money enought to give a nice house to my parents.

        Enquanto adultos, percebemos que a realidade de criança por vezes promove sonhos difundidos pelo mundo que nos cerca, o que faz estas pretenções caírem por terra ou mesmo depois de realizadas se tornarem frustrações para a vida.

        As adults we realize that the child reality sometimes create our dreams with the world around us, and it make our desires disappear or even we can do it they become frustrations for the whole life.

        Meus sonhos mudaram e não me tornei caminhoneiro. Ainda sigo lutando para ter dinheiro para sobreviver, e apesar de ter escrito até mais de um livro as viagens pelo mundo deram lugar ao desejo de ter um mundo mais justo, onde a lei é pra todos e atinge os injustos. Hoje em meus sonhos desejo que todos possam ter um teto, que as madeiras dos barracos dêem lugar ao concreto, que o futuro pra muitos deixe de ser algo incerto, ter um Brasil mais respeitoso como Estado nação e o Flamengo na segunda divisão.

        I changed my dreams and I’m not a Truck Driver. I’m still fighting to have money to survive, and even I’ve wrote more then 3 books the trips around the World gave way for the desire to have a fairer World, where the law works for all and strikes the unjust. Today, I wish in my dreams that everybody can have a house, that te wood in the favelas give way to the concrete, that the future could be not uncertain, have a Brazil more respectful and Flamengo in the second division in the football league.

        Dentre meus desejos pós-vida adulta um deles era ver o Ex-Governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral preso, desejo mais que concretizado. Como carioca e vivendo a maior parte de minha vida nessa cidade tive o desprazer de ver um desgoverno de quase oito anos destruir vidas. Vi amigos de anos fazerem campanha para um político sujo, mentiroso e dissimulado e hoje vejo estas pessoas – funcionários públicos – sem salário e nutrindo o mesmo sentimento que eu em relação à ele e inevitavelmente me pergunto: Será que assim como uma Receita que “parecia” não fiscalizar nada quando Cabral ainda Governador enriquecia em suas fraudes e agora parece trabalhar à todo vapor eles acordaram politicamente?

        Beetwen my wishies in the adult life one of them was see the Ex-Governor of Rio de Janeiro Sérgio Cabral arrested, and he was arrested. How a carioca that lived the most of my life in the city unfortunately I saw this horrible Government during nearly 8 years destroy lives. I saw friends making campaign for this dirty politician, lier and covert, and today I can this people – public Workers – without salary and with the same feelings than me about him and I ask myself: Is it just like the Brazilian Federal Revenue that never inspected the Ex-Governor Bank Accounts when he was enriched practicing fraud and now looks working a lot this people wake did these people wake up politically?

        Será que estas pessoas e outros cidadãos cariocas e brasileiros estão acordados à ponto de perguntar a si mesmos porque Sérgio Cabral tinha em mão um exemplar da biografia de Nelson Mandela e que sua vida em nada se compara com a do Ativista e Ex-Presidente Sulafricano? Será que os brasileiros ainda conseguem ter sonhos? Esta é a pergunta que mais faço a mim mesmo nas “conversas que tenho comigo” e quando penso que por vezes, o preço do custo de vida vale mais que os sonhos de três refeições por dia.

        Are these people and others cariocas and brazilian citizens wake to ask themselves why Sérgio Cabral had yesterday in his hand the Nelson Mandela’s biografy and that is impossible to compair his life with the activist and Ex-President of South Africa life? Can Brazilians still dream? This is the question that I ask myself the most of the time in “the conversations that I have with myself” and when sometimes I think that the cost of life is more expensive than the dreams to have three meals per day.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s