PEOPLE ARE STRANGE

 

photo-collage-maker_tee6mg

PHOTO: Elieser Borba

        Few weeks ago, still in Austrian territory I wrote a small article where I spoke about how the distance some times make us have a diferent look about some importants questions.

        I was reading some news about Brazil and remembered a interview that the singer and TV presenter João Gordo said his opinion about some brazilians citizens and how the behavior of them turn so clear the paradoxal that have betwen the romantic look about the brazilian people be friendly and happy and the rage and intolerance that, with internet helps makes increasingly global the unknown side about this people consider so special.

       I realize that have several ways to be special, however, for me this concept is linked with good things that linked to other aspects of the life can turn a neighbourhood, a country or the world with a lot of wars and diferents kind of problems places with more love than hate.

        The most serious historians in Brazil consider the period of the Marshal Deodoro da Fonseca “The Peacemaker” as one of the bloodiest in the country, and this is The kind of history that usually we not heard at the school. A summary of the current and sad brazil: Some people that wish the peace and say “no” to the violence but argue that the peace can only be achieved through the same violence they fear. There are, for example, the most sarcastic that say “the brazilians are so funny people”. If it is a fact or not I believe is something very pessoal, but is really funny and why not don’t say ridiculous someone believe that an idiot like the senator Jair Bolsonaro can to be the brazilian President, or believing that a most idiot person like Donald Trump will be a really nice President to the USA, even though someone who lives in Brazil and don’t know the true reality in the United states.

          I looks like unsatisfect with the Brazil? Country where I was born and have importants relantionships? Maybe, but for sure something that make more sad is know that in Brazil, some people with their minds with a lot of horrible ideas hold importants positions in several schools, Hospitals and in the Politic.

 

 

“Algumas semanas atrás, ainda em território austríaco escrevi uma pequena matéria onde discorria acerca de como a distância por vezes nos faz enxergar algumas questões por de formas diferentes.

       Na ocasião, estava a ler algumas notícias do Brasil e me lembrei de uma entrevista onde o cantor e apresentador de TV João Gordo colocava sua opinião sobre os brasileiros e como o comportamento destes deixa claro o paradoxo existente entre o romantismo de ser um povo amistoso e feliz em relação a sua vertente de raiva e intolerância que, cada vez mais difundida na globalização nas redes sociais deixa à mostra o lado desconhecido por muitos acerca deste povo dito tão especial.

        Percebo que existem várias formas de ser especial, no entanto, vejo este conceito sendo ligado à coisas boas e que ligadas à outros aspectos da vida cotidiana podem tornar um bairro, um país ou mesmo o mundo com todos as suas guerras, problemas e discórdias locais mais repletos de amor do que de ódio.

        Um resumo do Brasil de hoje: Pessoas que desejam a paz e dizem não à violência defendendo que a paz só pode ser alcançada através da mesma violência de que tem tanto medo. Existe, por exemplo, os mais sarcásticos que dizem ser o brasileiro um povo “engraçado”. Se isso é um fato ou não acredito ser algo muito pessoal, mas é realmente engraçado para não dizer ridículo uma pessoa defender o desarmamento e ao mesmo tempo achar que deve ter uma arma, acreditar que um idiota como Jair Bolsonaro pode ser presidente ou mesmo achar incrível que um idiota ainda maior como Donald Trump será um ótimo presidente para os Estados Unidos, mesmo sendo alguém que vive no Brasil.

        Pareço insatisfeito com o Brasil? País este onde nasci e tenho laços importantes? Talvez, mas o que certamente me faz muito mais insatisfeito é saber que no Brasil pessoas com a mente repleta de ideias horríveis são muitas vezes as que ocupam cargos na direção de diversas escolas, hospitais e na política do país.”

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s