HISTÓRIA DE ESQUINA

20160719_100801

FOTO: Elieser Borba      LOCAL: Cinelândia – RJ

      Desde que sofri um acidente de trânsito há algum tempo venho me recuperando cotidianamente. Cada caminhada mais longa, uma pedalada mais forte e perceber minha perna e pé direito menos inchados e adquirindo a forma normal é motivo de uma alegria incomensurável.

        Ontem (dia 19/07/2016) resolvi pedalar de Copacabana – onde resido atualmente – até o Centro do Rio, algo que há tempos atrás realizava quase que cotidianamente em minhas idas ao trabalho. Pela segunda vez pós-acidente decidi optar por fazer uso de minha velha Monark Ipanema vermelha.

        O trajeto foi o de sempre e a favor do vento na ida, a única coisa diferente foi observar a quantidade de soldados do Exército Brasileiro e da Força Nacional de Segurança assim como os diversos agentes federais em circulação pelo Aterro que compõem o “Circo Olímpico”. Ao menos para mim a presença destes mais assusta do que causa a sensação de segurança.

       Meu destino era a loja Moedas e Moedas – Numismática, na Rua Sete de Setembro. Prendi o “camelo” no bicicletário da Rua Calógeras e fui caminhando até lá. Pela primeira vez observei o tão falado VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), a nova roupagem da Rio Branco, o novo Boulevard da Avenida e toda essa falsidade travestida em modernidade que fazem parte do pacote de uma “Cidade Olímpica respirando por aparelhos”. Certamente todas as belas plantas de cores vivas postas só para “inglês ver” nos canteiros do VLT irão secar na primeira onda de quase um mês de sol de 43 graus, assim como a popularidade do Prefeito Eduardo Paes tem se deteriorado.

        Em minha curta caminhada pude observar que os bancos anteriormente cortados ao meio por uma espécie de braço metálico justamente para impedir que os moradores de rua da Cinelândia possam se deitar para dormir foram trocados. Os bancos agora são de uma madeira marrom envernizada e não possuem qualquer aparato que impeça os que queiram ali esticar o corpo de realizar tal feito. Como sou um grande curioso sobre o cotidiano dos miseráveis cariocas não me contive ao observar três andarilhos que estavam sentados num destes bancos.

       Todos estavam bastante sujos e o semblante de fome e cansaço denotava de forma muito aberta que tinham passado a última noite em claro. Perguntei ao primeiro de nome “D” se ele dormiu na última noite e ele balançou a cabeça em negativa, assim como os outros dois em sequência.

        – Como vocês não dormiram se agora os bancos tem espaço para isso perguntei-lhes?

        – E o Sr acha que o SEOP (Secretaria de Ordem Pública) deixa? Respondeu “D”

        – Eles só não tem batido muito na gente como antes, mas acordam a gente e mandam nós levantar o tempo todo!! Não dá pra dormir não Senhor!!

        Perguntei-lhes o que achavam de toda essa “arrumação” que o Poder Público promoveu na localidade, “D” que era uma espécie de “Relações Públicas” dos três maltrapilhos respondeu-me:

        – Vou falar uma coisa para o Senhor…qual é o seu nome mesmo?

        – Elieser. Respondi

        – Sr Elieser, está difícil até para tomar o sopão que algumas pessoas distribuem aqui na Praça à noite. Quando o carro azul chega a gente sabe que vão descer o cacete na gente. E o que é que custa deixar a gente dormir nos bancos durante a madrugada? Não tive resposta em devolutiva.

        Perguntaram o que eu fazia, disse ser escritor e ativista, e que me agradava muito realizar denúncias sobre toda podridão existente por trás da beleza que é vendida e gera lucro para os que menos atuam em prol desta. Me pediram uma ajuda para poderem fazer o desjejum e os convidei para tomar um café comigo, e foi o que fizemos após eles possarem para a foto que ilustra esta matéria.

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s