Dia 23 de Fevereiro de 2014 (Vigésimo nono dia de internação)

Image      Domingo de sol, e mais um dia de Hospital….a coisa até rimou!! Num dia como o que parece estar rolando hoje eu com certeza estaria fazendo uma ótima pedalada…saindo do Leme e indo até a Lagoa via Orla de Copacabana e Ipanema. O máximo aqui é só observar a copa das árvores da Praça Jardim do Meier e ouvir o som doas sirenes das Ambulâncias do Hospital e do Corpo de Bombeiros ao lado.

Em dias de calor como o de hoje e com o ar condicionado quebrado parece que a enfermaria vai nos assar como batatas inglesas em um forno. E no fim da tarde, pela posição de meu leito, ainda fui agraciado com os raios de sol que durante cerca de meia hora são refletidos pelo vidro da janela ao lado do leito 3 diretamente em meus olhos me estapeando como se fosse para me acordar de um sono profundo.

Mais dois rapazes chegaram em nossa enfermaria esta madrugada. O primeiro foi “C”, um rapaz de 19 anos mais ou menos e que teve fratura exposta em três dedos dos pés em um acidente de moto no Complexo do Alemão, onde segundo o mesmo, uma mulher atravessou a rua em sua frente com uma criança no colo. O rapaz disse que ao tentar desviar da mulher, derrapou com o veículo indo em direção a um muro, tudo isso a poucos metros de sua residência.

O outro rapaz, um pouco mais jovem chama-se “T”. Ele chegou um pouco pior, com uma fratura de fêmur já operada e o braço esquerdo bastante destroçado em virtude de ter quebrado o vidro do veículo onde sua moto se chocou. Parece que foi atacado pelo Wolverine!! Ele estava com uma moça na garupa que foi transferida para um outro hospital em estado bem pior. Ele geme bastante de dores e quase nem consegue comer de tão nervoso que está, e realmente olhar seu braço mesmo enfaixado com as bandagens é algo que preocupa!

Meus pais e Isadora vieram me ver no horário de visitas, e minha Velha me deu um trato no cabelo novamente. Meu semblante era um misto de Guerrilheiro com moribundo!! Estou parecendo ter outra face, apesar da perna ainda está totalmente fora do lugar, mas acredito que depois do que o médico me disse ao término da visita não esperarei muito para realizar minha cirurgia. O cirurgião me disse estar pensando em uma outra forma de realizar minha cirurgia por eles estarem bastante temerários frente ao tempo em que estou aguardando a mesma, algo que coloca mais dificuldade para a realização do procedimento em si, e talvez sejam postos fixadores externos ao invés de placas e parafusos. Bom, cabe agora esperar para saber o que será realizado em vias de fato, ou mesmo se vai ser realizado.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s